DICAS PARA INICIAR ATIVIDADES FÍSICAS E EVITAR LESÕES

1
980
Fevereiro já chegou e muitas pessoas ainda não cumpriram algumas das famosas

 promessas de Ano Novo, como: “não ser sedentário”, “ter uma alimentação mais saudável” ou “praticar algum esporte”. Nos últimos 5 anos, a prática de atividades físicas no Brasil cresceu 12% e quase 34% dos brasileiros já praticam algum tipo de exercício regularmente

De acordo com o especialista Mauricio Garcia, diretor de Fisioterapia do Instituto Cohen e consultor da Ibramed, antes de começar alguma atividade é importante procurar um profissional especializado para avaliar suas condições físicas. Para ele, é necessário analisar a situação cardiorrespiratória e entender como minimizar possíveis riscos com atitudes preventivas e equilíbrios musculares. “Se a pessoa tiver algum fator de risco, como sobrepeso, diabetes e hipertensão deve procurar um médico para fazer exames cardiológicos, como o teste ergométrico – exame que observa os comportamentos da frequência cardíaca e da pressão arterial durante alguma atividade de esforço”, explica.

Para quem pretende começar a praticar uma atividade física, o especialista listou algumas dicas; veja como obter resultados satisfatórios e evitar as lesões.

1. Defina metas claras

Para ter ânimo e não desistir no meio do caminho, o novo atleta precisa definir quais são seus objetivos, seja emagrecer, melhorar o condicionamento físico, definir os músculos ou até evitar o estresse. Além disso, uma dica importante é começar devagar. Inicie caminhando e não correndo, por exemplo. Se escolher a musculação, comece pegando pouco peso para se acostumar gradativamente. Mude os hábitos. Não permita que o cansaço e outras situações tirem seu foco e não deixe de cumprir as metas.

2. Não esqueça o alongamento

Antes de qualquer exercício físico o aquecimento é essencial e o alongamento tem de ser feito para preparar a musculatura que será envolvida, isso evita problemas ortopédicos e dores musculares. Além disso, para quem está começando, uma dica importante é recorrer às tecnologias da fisioterapia. Já existem tratamentos que preparam os músculos para as atividades e potencializam os resultados. A Corrente Aussie, por exemplo, aplicada através de eletrodos na pele e que gera contração muscular, utiliza a estimulação sensitiva e motora, sendo indicada principalmente para o fortalecimento muscular. “A corrente Aussie é importante aliada para quem vai iniciar uma atividade física, já que ajuda evitar lesões usando metodologias específicas de ativação muscular. Outra alternativa são tratamentos com LED de baixa intensidade – que estimula a circulação sanguínea”, orienta o fisioterapeuta Mauricio Garcia.

3. Cuide da sua alimentação

A principal aliada dos exercícios físicos é a alimentação saudável. Não pratique atividades em jejum, alimente-se de três em três horas e procure comer uma grande variedade de frutas verduras e legumes. Procure um profissional da nutrição que lhe indicará uma dieta adequada para chegar ao seu objetivo, sem que haja excesso ou carência de nutrientes.

Fonte: Gazeta Esportiva

1 COMENTÁRIO

  1. “Nao adianta se obrigar a fazer um exercicio apenas pela questao estetica ou porque e uma recomendacao medica. Muita gente que comeca assim acaba parando com as atividades pouco tempo depois. A socializacao tambem e um componente importante para quem faz atividade fisica. Por isso e importante fazer algo prazeroso que estimule a interacao. Principalmente para idosos”, ressaltou Edmundo.

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*