Fibromialgia – Fisioterapia aquática auxiliando no combate

0
332

A fibromialgia é uma doença crônica que causa com dor muscular generalizada e sensibilidade excessiva em muitas áreas do corpo. Muitos pacientes com fibromialgia também sofrem de fadiga, sono excessivo, dores de cabeça e distúrbios do humor, como depressão e ansiedade.

Ainda não há uma causa exata e específica para o surgimento da Fibromialgia, porém estudos mostram que há certa relação do início dos sintomas logo após um evento traumático, podendo esse ser físico, psicológico ou uma infecção grave. Na maioria dos casos, a dor começa em um ponto específico, progredindo, posteriormente, para o restante do corpo.

Justamente por conta dessa inexistência de identificação da causa é que a Fibromialgia, antes de ser considerada como uma doença, é uma síndrome, pois ela é um conjunto de sinais, sintomas e problemas médicos que tende a ocorrer de maneira simultânea, mas que não é relacionado a uma causa específica, identificável. Porém, mesmo não sabendo exatamente a causa da condição, o que não se pode discutir é se as dores do paciente são ou não reais. Pesquisas comprovam que as pessoas que sofrem com a Fibromialgia realmente sentem as dores descritas por elas, e isso acontece pelo fato de a estimulação repetida do nervo que sinaliza a dor (neurotransmissor) modificar o seu cérebro. Há um descontrole na forma como o cérebro processa os sinais de dor.

Em que consiste a fisioterapia aquática ou hidroterapia? Qual é o seu embasamento científico?

A palavra hidroterapia é originada do grego, hydro (de hydor, hydatos = água) e therapéia (tratamento e terapia). Consiste na utilização da água com finalidades terapêuticas.

A fisioterapia aquática é o conjunto de técnicas terapêuticas fundamentadas no movimento humano. É a fisioterapia na água ou a prática de exercícios terapêuticos em piscinas, associada ou não a manuseios, manipulações e massoterapia, configurada em programas de tratamentos específicos para cada paciente. É embasada pelo estudo das propriedades físicas da água que agem sobre um organismo imerso, provocando alterações fisiológicas extensas que afetam quase todos os sistemas do organismo, gerando benefícios terapêuticos amplos, tanto físicos quanto psicológicos.

Fonte: iSaudeBahia

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*