MÉTODO BUSQUET

0
11360

As cadeias fisiológicas representam uma leitura anatômica e fisiológica do corpo humano, não é uma teoria e nem uma filosofia.

Léopold Busquet, fisioterapeuta desde 1968, osteopata desde 1979, ensinou no Colégio de Osteopatia de Sutherland até 1992.
Nesta época ele verificou a necessidade de parar e investir totalmente em um trabalho de integração, síntese e coerência de tudo o que ele tinha aprendido. A decodificação do corpo funcionando em todos os níveis em um sistema de cadeias tornou-se uma evidência e foi o fio condutor de décadas de trabalho.

A medicina moderna evolui no sentido da especialização. Isso é uma fonte de progresso, mas igualmente de desmembramento do paciente. O método das cadeias permite colocar em evidência as inter relações entre todas as partes do corpo e unificá-lo por um exame manual o mais completo possível e por um tratamento com uma finalidade global.

O projeto do método das cadeias não é o de tratar as doenças, que são de competência médica, mas de tratar as disfunções no intuito de recolocar o paciente em um equilíbrio funcional necessário para recriar uma dinâmica de saúde.

Apresentação das cadeias :

O corpo é um organismo geneticamente programado.
Seu
programa repousa sobre a anatomia e a fisiologia.

As cadeias fisiológicas representam os circuitos anatômicos que organizam a estática, a dinâmica e as compensações.

Existem dois tipos de cadeias  :

As cadeias estáticas conjuntivas

• A cadeia estática músculo-esquelética,
• A cadeia estática neurovascular,
• A cadeia estática visceral.

As cadeias dinâmicas musculares

• As cadeias musculares de flexão,
• As cadeias musculares de extensão,
• As cadeias musculares cruzadas de abertura,
• As cadeias musculares cruzadas de fechamento.

Sobre este projeto anatômico metódico, a organização é realizada pelo programa da fisiologia associada a sistemas automáticos de regulação e de reequilíbrio :

• A proprioceptividade : a “reequilibração” musculoesquelética,
• A homeostasia: a “reequilibração” orgânica.

O programa de base é geneticamente programado para assegurar um bom funcionamento e uma boa saúde.

O método das cadeias fisiológicas

Está baseado em um exame completo que coloca em evidência os pontos de tensão em diferentes partes do corpo, ao nível de cada uma das cadeias. É aplicado em seguida um método de tratamento manual :

– para liberar as zonas de tensão
– devolver uma boa mobilidade tissular às diferentes cadeias
– devolver uma melhor função
– devolver uma melhor estática

O conjunto das funções corporais são então naturalmente programadas.
Nosso trabalho é simples : eliminar ao máximo as tensões estruturais parasitas que são a base das disfunções, das deformações e das dores.

Objetivos do Método Busquet  :

Tratar as disfunções

As disfunções aparecem quando o equilíbrio fisiológico, normalmente autonômico, é perturbado por tensões. As tensões se exprimem ao nível de uma ou de várias cadeias e perturbam o funcionamento harmonioso do corpo.

O tratamento tem o simples objetivo de relaxar as tensões das diferentes cadeias para permitir reencontre seu funcionamento natural. Esse tratamento respeita a fisiologia de cada idade, do bebê ao adulto, do atleta ao sedentário e do idoso.

O método Busquet trata as disfunções e não as patologias. Nos casos de problemas hereditários, de traumatismos importantes e de patologias, o objetivo do método é de apenas aliviar e melhorar o funcionamento do paciente dentro dos limites do seu potencial.

Um método pra todos

Permite o tratamento de pacientes desde o nascimento até uma idade bem avançada :

– os recém nascidos para que estejam bem em seus corpos após as tensões geradas pelo nascimento: deformações, “torcicolos congênitos”, estrabismo, regurgitações, choros , perdas de sono, etc…
– as crianças que apresentam deformações: dos pés, joelhos, hiper cifoses e lordoses, escolioses, deformações torácicas, “dores do crescimento”, problemas otorrinolaringológicos, respiradores orais (bucais), má oclusão, problemas de acomodação visual, problemas de concentração, etc…
– aos desportistas para melhorar a confiabilidade e a performance.
– as pessoas ativas, de idade, sedentárias, no intuito de prevenir ou atenuar as disfunções físicas, orgânicas assim como os efeitos da artrose.

O tratamento

Simples, concreto e global, que tem por propósito retirar ao máximo as tensões parasitas que são a base das disfunções, deformações e dores. O resultado do tratamento é devido ao tratamento realizado por uma intervenção qualitativa do terapeuta, o corpo realiza uma parte importante da recuperação graças a programação de suas diferentes funções.

plaquette4a

As técnicas

Elas são essencialmente baseadas sobre um relaxamento e posturas na busca de uma liberação afim de reprogramar o bom funcionamento das cadeias fisiológicas.

plaquette3a

As sessões

Possuem uma duração de 45 à 60 minutos de acordo com o problema do paciente.

A frequência

O tratamento completo se faz em um ritmo de uma vez por semana. Este trabalho de qualidade atinge o corpo em sua profundidade e demanda ao mesmo um tempo de assimilação e de regulação própria.

A manutenção

Quando o tratamento é terminado, é aconselhado a realização de sessões de manutenção que deverão ter um espaço de 1 a 3 meses. O corpo possui uma memória tecidual e este trabalho periódico é o melhor tratamento preventivo.

Os honorários

O terapeuta estabelecerá um orçamento próprio para o tratamento. A qualidade deste justificará o seu valor e a sua realização.

Fonte: Methode Busquet

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*