O QUE É A AROMATERAPIA ?

0
1556

Talvez você já tenha escutado em algum lugar esta palavra, mas você sabe o que significa? Aroma quer dizer perfume, já terapia quer dizer tratamento. Portanto, a aromaterapia é um tratamento que faz uso de óleos aromáticos para curar e para tratar condições.

As plantas já foram muito aliadas dos seres humanos. Hoje em dia utilizamos uma série delas sem perceber, pois seus princípios são aplicados em remédios e em fármacos no geral. Os índios e povos nativos sempre fizeram muito o uso de ervas e de plantas para tratar complicações. A aromaterapia é esta modalidade em uma forma mais atual.

Entre os benefícios da aromaterapia podemos destacar, por exemplo, a redução do estresse e da depressão. A inalação das fragrâncias garante uma boa noite de sono, acalma o espírito e enche de energia. É algo simplesmente fantástico.

Muitos hospitais já vêm fazendo uso da aromaterapia para ajudar os pacientes a relaxarem. E não é somente o aroma que revigora não. As massagens com óleos aromáticos são maravilhosas e capazes de curar uma série de transtornos. É possível fazer até mesmo em casa uma sessão de aromaterapia no banho. No entanto, os óleos possuem finalidades diversas e é preciso conversar com quem entende do assunto para escolher o mais indicado para o seu caso.

Quando é indicada

Cada aroma pode ser utilizado com uma finalidade. São inúmeras as opções disponíveis. O de alecrim, por exemplo, é muito indicado para ativar a memória, para atuar como adstringente e como analgésico. O de angélica é um famoso tônico que fortalece o nosso sistema imunológico.

A cânfora também é bastante conhecida e entre as diversas aplicações podemos destacar o tratamento de feridas, de febre, de queimaduras, de contusões e de pancadas. A canela pode ser utilizada como bactericida e no combate à gripe. O capim de limão é diurético e relaxante. Ou seja, as finalidades são diversas e é preciso encontrar aquela que pode dar um fim ao seu problema.

Como são extraídos os óleos essenciais

Os óleos são extraídos das plantas e é necessário saber diferenciar um de boa qualidade de um de má qualidade. Para conseguir o máximo de benefícios é preciso investir em óleos bons.

Os mais puros são extraídos das plantas através de um processo de destilação a vapor. Estas, picadas e frescas, são colocadas suspensas em água bem quente de forma a capturar o vapor. Este é posto em um recipiente e é passado por um tubo. Quando o vapor resfria ele condensa novamente em água. Com isto se obtém o óleo em específico.

Outra forma de conseguir o produto é através da expressão, ou seja, espremendo as plantas fresquinhas com semente e casca. É uma técnica bastante antiga e muito parecida com a utilizada para a obtenção do azeite de oliva, por exemplo. A enfleurage é outro método, porém somente é usado na França. Neste procedimento as plantas são posicionadas sobre placas com gordura bem quente de forma a absorver o óleo. É uma técnica mais cara e mais demorada, por isto não é tão utilizada.

Quais são os benefícios

As propriedades terapêuticas são muitas e o poder de penetração dos óleos é grande. A aromaterapia possui ação no sistema respiratório, no sistema linfático e no sistema vascular, por exemplo. Ela age como hipertensor, hipotensor, vasoconstritor, antiespasmódico, antisséptico, expectorante, entre outras coisas. Os óleos também podem ter ação carminativa e digestiva, combatendo a prisão de ventre, a diarreia e a flatulência.

O sistema urinário pode se beneficiar, já que auxilia na eliminação de pedras no rim e no tratamento de disfunções e de infecções urinárias. A aromaterapia pode ser usada no tratamento de impotência e de doenças venéreas. Outros benefícios são o desenvolver da memória e do raciocínio. Existem também óleos afrodisíacos, como o de jasmim e o ilangue-ilangue.

Como funciona

Antes de tudo é preciso decidir qual óleo será utilizado. São diferentes opções e cada uma é indicada para uma finalidade. Um profissional pode ajudar na hora da escolha. Os óleos possuem uma ação profunda e efetiva, sendo que eles podem ser utilizados de diversas maneiras.

Eles podem ser aplicados diretamente na pele da pessoa quando diluídos com um óleo carregador. Eles também podem ser comprados puros e então ser colocados em queimadores ou difusores. Existem queimadores muito lindos e de vários estilos. Escolher um é também uma tarefa bacana nesta hora.

Outra forma de aromaterapia é a aplicação dos óleos através de compressas frias ou quentes, por exemplo. Eles também podem ser usados durante o banho, não somente pelos benefícios como pelo agradável aroma que exalam. Algumas pessoas preferem a aromaterapia clínica. Esta pode ser feita em clínicas especiais ou na casa do indivíduo.

Aromaterapia clínica

Esta opção de tratamento é realizada por profissionais altamente qualificados. Através de uma consulta o aromaterapeuta monta um conjunto em específico de óleos de forma a ajudar o indivíduo a curar o seu transtorno.

O profissional necessita ter grande conhecimento de todos os óleos e de suas aplicações, assim como de química e de biologia. O estilo de vida da pessoa também deve ser considerado para que o resultado seja o mais eficiente possível. O óleo é então prescrito e a pessoa deve fazer uso deste. Em alguns locais massagens são aplicadas para estimular a melhora. Um ambiente é preparado, o indivíduo é deitado e o tratamento tem início. É algo relaxante e muito revigorante.

A aromaterapia oferece uma cura não somente física como também espiritual. Ela atua em diferentes camadas e oferece melhora em vários campos da vida. Junto de outras terapias os resultados são ainda mais impressionantes.

Procure por este método e peça ajuda na hora de escolher o seu aroma. Além de deixar a casa com um cheirinho maravilhoso ainda trata dos males e revigora. A aromaterapia é uma prática utilizada há muito tempo. Para quem busca outras alternativas de tratamento é uma opção bem bacana a se considerar. Converse com quem já pratica para mais informações ou vá a centros especializados.

Fonte: saudemedicina

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*