O QUE É O CONCEITO DE MAITLAND

0
1371

 

Resumo

A presente pesquisa do tipo estudo de caso teve por objetivo investigar as respostas das mobilizações passivas oscilatórias controladas de Maitland na amplitude de movimento ativa do ombro na capsulite adesiva. A amostra foi composta por um indivíduo, do sexo masculino, da raça branca, com idade de 44 anos, profissional autônomo, com diagnóstico de capsulite adesiva do ombro direito, o qual se apresentava no estagio três da capsulite adesiva, quadro de rigidez capsular. Foi realizada a coleta de dados da amplitude de movimento articular ativa do ombro através do goniômetro manual universal, sendo avaliados os movimentos de flexão, abdução, rotação interna e externa do membro afetado. O indivíduo foi submetido a dez sessões, onde foram utilizadas as mobilizações passivas oscilatórias controladas de Maitland, sendo realizadas três repetições de sessenta movimentos nos sentidos de deslizamento caudal, deslizamento posterior e deslizamento anterior da cabeça umeral. Após a décima sessão, foi realizada a goniometria conforme a avaliação inicial. Os dados coletados foram tratados de forma descritiva e apresentados em forma de gráfico. Como resultado, a pesquisa evidenciou melhora da amplitude de movimento ativa do ombro para todos os movimentos avaliados. Conclui-se que as mobilizações passivas oscilatórias controladas de Maitland merecem destaque no tratamento da capsulite adesiva do ombro ombro, apresentando-se como um procedimento eficaz para a restauração da mobilidade articular do ombro.

Fonte: brasiliafisio

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*