A OCORRÊNCIA DA SÍNDROME DE BURNOUT NOS ACADÊMICOS DO ÚLTIMO ANO DO CURSO DE FISIOTERAPIA

0
455

Resumo

Introdução: A síndrome de Burnout traduz-se em fenômeno de esgotamento profissional, facilmente detectado em profissionais e acadêmicos da área da saúde. Objetivo: Investigar a ocorrência da síndrome de Burnout em acadêmicos do último ano do curso de Fisioterapia de uma instituição de ensino superior (IES). Metodologia:Realizou-se um estudo transversal com 50 acadêmicos de Fisioterapia de uma IES particular do Município de Fortaleza-CE. Foi utilizado o Maslach Burnout Inventory (MBI) composto por 22 itens respondido através de uma escala analógica visual, variando entre 0 (nunca) a 6 (todos os dias) de intensidade. Resultados: A amostra era formada por 38 (76%) do sexo feminino, com idade entre 20 a 38 anos, com média de 22,2 ± 3,02 anos. Em relação à exaustão emocional, 27 (54%) apresentaram escore elevado. Sobre a despersonalização e a realização profissional 20 (40%) e 28 (46%) exibiram escore baixo, respectivamente. Conclusão: Os acadêmicos do último ano de Fisioterapia apontaram sinais de estresse condizentes com Burnout médio, vinculado possivelmente ao somatório das exigências da prática profissional com as atividades acadêmicas.

Palavras- chave: Esgotamento Profissional. Estudantes. Fisioterapia

Abstract

Introduction: Burnout syndrome is defined as the phenomenon of professional stress, easily detected in academic and professional health care. Objective: To investigate the occurrence of burnout in the last academic year of Physical Therapy from an institution of higher education (IHE). Methodology: We conducted a cross-sectional study with 50 students of physical therapy for a particular IES in the city of Fortaleza. We used the Maslach Burnout Inventory (MBI) consists of 22 items answered using a visual analog scaleranging from 0 (never) to 6 (all day). Results: The sample consisted of 38 (76%) were female, aged 20-38 years, with media of 22.2 ± 3,02 years. With regard to emotional exhaustion, 27 (54%) had high scores. About the depersonalization and personal accomplishment, 20 (40%) and 28 (46%) exhibited low score, respectively. Conclusion: The students last year Physical Therapy showed signs of stress consistent with Burnout medium, possibly linked to the sum of the demands of professional practice with academic activities.

Keywords: Burnout Professional. Students. Physical Therapy

Por: Renata Prado Vasconcelos1 *, Carolina Araújo Castro2 , Alcenor Rodrigues de Moura Neto2 , Soraya Gomes Rocha3 , Adriana Rolim Campos Barros4 , Ana Paula Vasconcellos Abdon5

¹ Discente do Curso de Fisioterapia da Universidade de Fortaleza

2 Graduação em Fisioterapia pela Universidade de Fortaleza

3 Mestre em Ciências da Educação pela Universidade Pontificia Salesiana. Docente da Universidade de Fortaleza

4 Pós-Doutorado em Farmacologia – UFC. Docente da Universidade de Fortaleza

5 Mestre em Ciências Fisiológicas pela Universidade Estadual do Ceará. Docente da Universidade de Fortaleza

Fonte: Fisioterapia e saúde funcional

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*