OS BENEFÍCIOS DA FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA NA MELHORA DA QUALIDADE DE VIDA DE INDIVÍDUO COM DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA

0
227

THE BENEFITS OF RESPIRATORY PHYSIOTHERAPY IN THE IMPROVEMENT QUALITY OF LIFE FOR A GUY WITH PULMONARY DISEASE CHRONIC OBSTRUCTIVE

Resumo

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) é definida como um conjunto de condições caracterizada pela presença de obstrução ou limitação crônica ao fluxo aéreo de progressão lenta, persistente e irreversível. A reabilitação pulmonar tem sido definida como um programa individualizado e multidisciplinar que procura devolver ao indivíduo a maior capacidade funcional permitida, tendo em vista sua limitação pulmonar e situação geral de vida. O objetivo deste trabalho foi verificar os benefícios da fisioterapia respiratória na melhora da qualidade de vida de indivíduo com doença pulmonar obstrutiva crônica. Os instrumentos metodológico utilizado nesse estudo comparativo intervencional e de caso controle, ambos os gêneros, na faixa etária de 50-65 anos, contou com uma ficha de avaliação cinético funcional e o questionário da vias áreas 20 (AQ20), exames de espirometria e cirtometria, para reabilitação pulmonar foram utilizados procedimentos que incluem manobras de desobstrução brônquica, incentivador respiratório e cinesioterapia respiratória. Os resultados demonstraram que os indivíduos submetidos a intervenção fisioterápica tiveram melhora no seu quadro clínico, como a redução das secreções brônquicas excessivas e aumento da capacidade de expectoração, melhora da ventilação alveolar, expansibilidade e retratilidade pulmonar, diminuição do grau de dispnéia, além do aumento da tolerância dos indivíduos às atividades físicas diária. Em contra partida os indivíduos do grupo controle apresentaram piora no seu quadro clínico.

Palavra-chave: Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica. Fisioterapia Respiratória. Intervenção.

Abstract

The Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD) is defined as a group of conditions characterized by obstruction or chronic airflow limitation slowly progressive, persistent and irreversible. Pulmonary rehabilitation has been defined as an individualized, multidisciplinary program that seeks to return the individual to greater functional capacity allowed, in view of its limited pulmonary and general life situation. The aim of this study was to assess the benefits of physiotherapy in improving the quality of life for individuals with chronic obstructive pulmonary disease. The methodological tools used in this comparative study and interventional case-control, both genders, aged 50 -65 years, featured a kinetic evaluation form and functional airways questionnaire 20 (AQ20), Spirometry and cirtometry, for pulmonary rehabilitation were used procedures that include airway clearance maneuvers, incentive spirometry and respiratory exercise. The results showed that individuals undergoing physiotherapy intervention had improvement in their clinical condition, such as reducing excessive bronchial secretions and sputum increased capacity, improved alveolar ventilation, pulmonary retractility and expandability, reduced degree of dyspnea, and increased tolerance of individuals to physical activities daily. In return the control group showed deterioration in their clinical condition.

Key-words: Chronic Obstructive Pulmonary Disease. Respiratory Therapy. Intervention.

Por: Kelen Rios Brand¹; Eloisa Dreyer Galina²

¹ Acadêmica do Curso de Fisioterapia da Universidade de Cuiabá – UNIC, Unidade Primavera do Leste – Mato Grosso

² Professora Especialista do Curso de Fisioterapia da Universidade de Cuiabá – UNIC, Unidade de Primavera do Leste – Mato Grosso

Fonte:Nova Fisio, Revista Digital. Rio de Janeiro, Brasil, Ano 15, nº 89, Nov/Dez de 2012. http://www.novafisio.com.br

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*