PROFESSORA DA UFJF-GV É PREMIADA EM SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA

0
468

A professora Laura Alves Cabral, do Departamento de Odontologia do campus avançado de Governador Valadares da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF-GV), foi premiada durante o XVIII Simpósio Internacional de Fisioterapia Respiratória, realizado em Belo Horizonte.  O trabalho “Perfil dos Recém-Nascidos Pré-termo Tardio Internados em Unidades de Cuidados Neonatais”, ficou em terceiro lugar na categoria “Temas Livres Orais – Área Fisioterapia intensiva neopediátrica”. O tema premiado é fruto do Trabalho de Conclusão de Curso da ex-aluna Aline Aparecida Lemos da Silva, do Curso de Especialização em Neonatologia com ênfase em Fisioterapia do Hospital Sofia Feldman, em parceria com a Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, do qual Laura Cabral participou como orientadora.

Essa pesquisa representa a importância de conhecer as características dos recém-nascidos prematuros tardios, entre 34 e 36 semanas de gestação, que são atendidos em Unidades de Terapia Intensiva e de Cuidados Intermediários. Afinal, conforme ressaltou Laura Cabral, a implantação de condutas para o cuidado com esses pacientes, tanto do ponto de vista do tratamento como da prevenção de alterações em suas condições de saúde, são mais efetivas quando são conhecidas as reais necessidades desses bebês. “Demonstramos com esse trabalho, por exemplo, que existe uma demanda considerável para o suporte ventilatório (auxílio à respiração) desses recém-nascidos prematuros, e que o fisioterapeuta tem papel fundamental no processo de avaliação, de tratamento e de acompanhamento da evolução clínica desses bebês durante o período de internação nessas unidades.”

A UFJF-GV também foi representada no XVIII SIFR pela professora Vanessa Cardoso, coordenadora do curso de Fisioterapia; e Bárbara Badaró, estudante do 7º período de Fisioterapia.

Com repercussão internacional, o SIFR é considerado o maior evento realizado no Brasil na área de Fisioterapia Respiratória. Além disso, também contempla as áreas de Fisioterapia Cardiorrespiratória e de Terapia Intensiva. Durante a edição deste ano, foi realizado ainda o primeiro Congresso Brasileiro de Fisioterapia Cardiovascular. “Essa área de atuação da fisioterapia está em crescente desenvolvimento, e eventos como esse ampliam o olhar do público sobre as perspectivas para o exercício profissional do fisioterapeuta, assim como contribuem para o fortalecimento da fisioterapia enquanto ciência”, destacou Laura Cabral.

Fonte:.ufjf

SEM COMENTÁRIOS

O QUE ACHOU DESTE CONTEÚDO? DEIXE SEU COMENTÁRIO.

*